Topo Ir para conteúdo

Site Autárquico de Beja

Evento

Herança Romana

A sensibilização e educação para o património histórico e cultural junto da comunidade, é uma forma de aprofundar o seu grau de conhecimento, estimular processos de apropriação dos valores patrimoniais e culturais do território e incrementar a autoestima das comunidades locais.

A Beja Romana aposta nas atividades educativas e no envolvimento das escolas do concelho, desenvolvendo há alguns anos o carater educativo nas suas atividades. Este ano devido às limitações da pandemia, as entidades envolvidas decidiram promover um conjunto de conteúdos online sobre o Mundo Romano, dirigidos às escolas e também abertos a toda a comunidade.

Pretende-se a promoção e partilha do legado romano, tanto no universo do imaginário, através da mitologia romana como o património material deixado pelo povo romano.  

As propostas para esta semana de 25 a 28 de maio dão continuidade à partilha de conhecimentos através das parcerias criadas entre CMBEJA, EDIA e os Agrupamento de Escolas nº1 e nº 2 de Beja, numa lógica de associação aos conteúdos programáticos.

Nesta viagem podemos descobrir a cidade de Beja no tempo do Imperador Adriano, ano de 121 d. C., ilustrações e os mitos romanos e a influência do mundo romano até à atualidade, na região.

 

 

No âmbito das atividades PAX IULIA – A HERANÇA ROMANA 2021, a Turma A do 7º Ano da Escola Básica Mário Beirão do Agrupamento de Escolas Nº2 de Beja participou em diversas iniciativas:

11 de Maio 
10:00h – 11:00h
• Videoconferência na Escola de esclarecimento dos alunos com a Drª Susana Correia (Arqueóloga da Direção Regional de Cultura do Alentejo)
16:00h – 16:50h
• Videoconferência na Escola de esclarecimento dos alunos com o Dr. Valdemar Canhão (Arqueólogo da EDIA)

18 de Maio
10:00h – 11:00h
• Videoconferência no Museu Regional de Beja (integrada nas comemorações do Dia dos Museus) de esclarecimento dos alunos com a Drª Sandra Bettencourt da Rede de Bibliotecas Escolares do Agrupamento, acompanhados pela Drª Deolinda Tavares (DRCA) e pelo Dr. João Abrantes (Arqueólogo da DRCA)

 

 

Roteiro Beja Romana